O Akita / Guia Prático

Primeira atitude que faz necessária , quando se adquire um cão é paciência. Um filhote, assim como um bebê humano, precisa dos “pais” para ajudá-los em muitas tarefas, por mais fáceis que pareçam.


Chegada, adaptação e primeiros dias do filhote

Vamos pensar na situação do filhote: ele estava com a mãe e irmãos, num lugar com pessoas, coisas, cheiros e sons específicos e pouco variáveis. Certo dia, chega um estranho (mesmo que faça adaptação no canil, não é considerado membro da matilha), pega o filhote, o coloca numa grande caixa de metal que anda e faz um barulho estranho, com cheiro estranho. Então chega num lugar mais estranho ainda, sozinho.

Então, o dono com toda boa vontade, comprou as camas mais caras, os brinquedos mais adequados ou pensa que lugar de cão é lá fora, senão fica mal acostumado. É possível conceber a confusão na cabeça daquele pequeno ser social? Sozinho em um lugar estranho. A mente dele tem uma coisa gravada lá que diz: solidão num lugar estranho = morte. Então essa é a sensação e o motivo dos gritos dos primeiros dias.

Portanto, a adaptação do filhote deve contar com alguns pontos:

  • Passe a maior parte do tempo com o filhote onde ele deverá ficar quando estiver sozinho.
 
  • Brinque com os brinquedos dele, interaja. Apesar de brincar com você e sua família, vocênão será amigo desde o primeiro dia. Conquiste-o a cada minuto.
 
  • Durma com um paninho entre sua cabeça e o travesseiro e depois coloque sob o prato de ração dele, dessa forma haverá associação muito positiva com seu cheiro.
 
  • Evite buscar seu filhote no domingo à noite se você deverá trabalhar na segunda pela manhã. Vocês não terão tempo para interagir. A melhor coisa é pegá-lo num sábado pela manhã e passar o final de semana todinho com ele.
 
  • Na hora de dormir sabemos duas coisas: (um) o cão vai chorar se ficar sozinho, e (dois) você vai acabar mostrando pra ele que chorar faz você aparecer ou até funciona pra ir dormir na sua cama.


Então o mais aconselhável é que o filhote recém-chegado deve dormir direto no quarto ou até na cama dos novos donos. É mais fácil levá-lo pra fora em alguns dias que ter que reverter o trauma da solidão.

  • em três a cinco dias, seu cão já estará habituado a você, portanto comece a retirada dele para o local definitivo. De forma lenta e gradual. Se dormiu na cama, coloque a caminha dele no chão e cada dia aproxime mais da porta e vá distanciando, pois mesmo se ele chorar um pouco, será bem menos e você terá certeza que ele não estará em sofrimento psicológico.
 
  • junto com essas ações, continue passando a maior parte do tempo de vocês no lugar que ele deverá ficar, pois lá deverá ser o lugar mais legal e seguro do mundo na cabeça do seu akitinha!


Lembre-se: o stress da mudança é imenso para seu filhote, por mais "tranquilo" que ele pareça. nunca dê banho, vacine ou vermifugue seu bebê antes de ter certeza da sua adaptação dica ybr: coloque uma camiseta sua usada (sem perfume) debeixo do pote de ração do filhote. isso ajudará e muito na sua adaptação.
 

Local do Filhote

O local onde seu filhote deverá ficar deve ser protegido dos efeitos do clima e de possíveis inimigos. Nunca o coloque com algum outro cão de força diferente (muito maior ou muito menor) para evitar possíveis acidentes.

Evite fios elétricos, tomadas, “coisas empilhadas” e plantas, já que o filhote é extremamente curioso e, certamente, vai fuçar em tudo.

Mantenha esse local sempre limpo e higienizado, inclusive o banheiro do bebê, já que os akitas são extremamente limpos e não vão onde está sujo. Evite caminhas de tecido que não têm como lavar e secar facilmente.

Repare também que maioria sente calor e procura o chão gelado. Em contrapartida, gostam de se aconchegar em algo macio. Jamais o deixe com coleirinha ou enforcador no pescoço. Nesta idade não será necessário e muito menos indicado.

Lembre-se: o local que o seu filhote deverá passar a maior parte do tempo deve ser seguro, limpo e com atrativos para ele. dica ybr: cuidado com o piso de onde o seu filhote vai passar a maior parte do tempo. o piso liso, apesar de ser mais fácil de limpar, pode ser altamente escorregadio e prejudicar a saúde e o desenvolvimento do bebê.

Gastando Energia

A melhor maneira de gastarmos a energia dos filhotes é o entretenimento. Sempre deixar a disposição brinquedos de diferentes formas, materiais, texturas e cores para que eles possam brincar sem se entediar. Brinquedos que emitem sons também são bem legais (menos pra hora do nosso sono! Risos).

Uma boa companhia para ele também é fundamental para um bom gasto de energia. Um outro filhote, ou alguma pessoa que jogue os brinquedos pra estimular a movimentação e o raciocínio dele é muito importante para que haja um gasto de energia saudável. Isso também ajuda a criar excelentes laços de afetividade.

Faça rotação de brinquedos (para que ele não enjoe sempre dos mesmos) e guarde um deles pra ser o “brinquedo de ouro”, aquele que ele vai ganhar nos momentos mais críticos pra ficar bem entretido.

Não se pode esquecer de respeitar os limites dos filhotes. Normalmente essas brincadeiras são bem curtas, e eles passam a maior parte do dia dormindo. É importante também evitar que pulem e corram logo após as refeições.

Dica ybr: quanto mais estimulado o filhote for, menos ele destruirá a sua casa. e quanto mais energia ele gastar (respeitando os seus limites), mais tempo ele vai dormir. pense nisso antes de você ir pra sua cama!
 
Cuidado com ossinhos que possam soltar fiapos e farpas, eles são prejudiciais à saúde do cão. preste atenção com o excesso de snacks que você oferece ao seu filhote. esse alimento pode desbalancear a ração e engorda.
 

Hora da Refeição

A alimentação do filhote é sempre de extrema importância. Uma ração Super Premium é necessária para suprir todas as necessidades nutricionais, porém, sempre usamos suplementos que ajudam a otimizar o potencial genético do cão.

 A alimentação deve ser oferecida pra um filhote, cerca de cinco vezes ao dia, em pequenas porções, seguindo as recomendações da embalagem (veja a indicação diária, divida em cinco porções e ofereça nos horários de eleição).

Pra deixar a vida do seu cão mais agitada. você pode usar algumas refeições como distração, simplesmente escondendo bolinhas de ração pelo lugar onde o filhote dorme. Só não espalhe no banheiro dele, senão certamente ele ficará confuso.

Os prejuízos causados por falta de água ou alimentação correta do filhote, muitas vezes, é refletido com o passar da idade. Por isso, não economize nos cuidados.

Dica ybr:  filhote saudável começa com uma excelente alimentação e oferecida de forma correta. além de ter água limpa e fresca durante o dia todo. Nunca deixe o bebedouro muito próximo ao comedouro, pra evitar que respingue água na ração ou caia ração na água. coloque sua cama e seus pratos do lado oposto de onde você deseja que seja o banheiro do seu filhote.
 

Necessidades Fisiologicas

Os Akitas são cães extremamente limpos. Muitos que moram em apartamentos nem fazem suas necessidades dentro de casa, por isso preste bem atenção de onde você vai deixar o “banheiro” do seu filhote. Caso ele julgue que está muito próximo de sua cama ou dos seus pratinhos, ele vai preferir fazer suas necessidades em outro local.

Não se esqueça, que um bebê não tem condições de pensar e lembrar que precisa sair do quarto em que se encontra, passar pelo corredor, chegar à sala, virar a direita, entrar na cozinha, seguir até a área de serviço e entrar no banheirinho de empregada pra fazer um xixizinho.

Certamente, mesmo que ele tenha a boa intenção de ir ao “banheiro” dele, ele não conseguirá chegar a tempo. Então, você e sua família precisam ter bom senso em facilitar a vida do filhote, para que ele erre o menos possível. Portanto, tenha sempre consigo um tapete higiênico ou jornal (o que você escolheu pra banheiro dele) e leve a todos os lugares onde forem passar muito tempo. Também espalhe banheiros pela casa para diminuir ainda mais a chance de erros.
 
Dica ybr: deixe o banheiro do seu filhote longe o suficiente da sua caminha e pratos, mas perto o suficiente para que ele consiga chegar lá quando for fazer suas necessidades.  procure fazer o banheiro do seu filhote com um piso diferente do piso do resto da sua casa (nem que seja um forro, como tapete higiênico), para facilitar a identificação por parte do cão.
 

Saúde Básica

Existe uma série de protocolos sobre vacinação e controle de endo e ectoparasitas… Aqui em casa utilizamos a seguinte:
 
  • 05 dias de vida: Frontline;
  • 15 dias de vida: Vermifugação;
  • 30 dias de vida: Vermifugação;
  • 35 dias de vida: Frontline;
  • 42 dias de vida: 1º Vacinação V8;
  • 45 dias de vida: Vermifugação;
  • 60 dias de vida: Vermifugação;
  • 63 dias de vida: 2º Vacinação V8;
  • 65 dias de vida: Frontline
  • 75 dias de vida: Vermifugação;
  • 84 dias de vida: 3º Vacinação V8;
  • 90 dias de vida: Vermifugação;
  • 95 dias de vida: Frontline;
  • 105 dias de vida: 4º Vacinação V8 + Vermifugação
 
E, então, repete-se o vermífugo a cada três meses, o Frontline a cada mês e a vacinação V8 anualmente. Com cerca de cinco/seis meses de vida, o cão deve tomar a vacina antirrábica.
 
Apesar do esquema vacinal, o filhote DEVERÁ ser sociabilizado, ou seja, apresentado ao máximo possível de estímulos do mundo em que irá viver para que não seja um cão desequilibrado quando adulto. 
 
A sociabilização só poderá ser feita até os 3 meses de idade, época em que o esquema vacinal na maioria das vezes não está completo o que não quer dizer que o cão deva ficar ilhado dentro de casa.

A AVSAB (American Veterinary Society of Animal Behavior), postulou que é maior o risco de um cão acabar morto devido a um problema causado por má sociabilização que a chance de adquirir uma doença neste processo, uma vez que existem meios seguros de se proceder: só sociabiliza com outros animais adultos que se conheça a história de vida e de saúde, na rua só andar com o cão no colo ou cestinha/carrinho, levar na casa de amigos que tenham crianças e no meio de muita gente, levá-lo ao pet shop no colo e no carrinho, são pequenos exemplos de como pode ser mais seguro que deixar seu cão lamber ou brincar com os sapatos que você usa na rua ou ainda levá-lo ao veterinário pra tomar as vacinas (quer lugar mais contaminado?).

Existem profissionais prontos para auxiliá-los neste processo.
 
LEMBRE-SE: A SAÚDE DO FILHOTE DEPENDE TOTALMENTE DE VOCÊ. SEJA RESPONSÁVEL E SIGA COM RIGOR AS DATAS DE APLICAÇÃO DOS MEDICAMENTOS EM SEU FILHOTE. 
 
Dica ybr: jamais saia com o seu filhote para passear em áreas comuns a outros cães que você não conheça e não o deixe no chão da clinica veterinária antes das quatro doses de vacinação. existem doenças seríssimas que ele não esta imune antes do ciclo completo de vacinação, que podem levá-lo a morte!
 

Adestramento e Obediência

O adestramento básico do seu filhote pode ser feito por você mesmo, sempre com uma orientação profissional. Existe um livro muito interessante, chamado “ADESTRAMENTO INTELIGENTE - COM AMOR, HUMOR E BOM SENSO”, escrito por ALEXANDRE ROSSI, hoje conhecido como Dr. Pet, da empresa CÃO CIDADÃO.

Ele te ensina a entender a linguagem dos cães e ajuda resolver uma série de problemas comportamentais, com uma escrita bem simples e divertida. Recomendo que leiam esse livro antes mesmo de receberem o filhote em casa.

A melhor idade para se começar a ensinar as coisas para o filhote, é a partir do momento que ele chega na sua casa. Então, não o espere ficar mais velho para passar a adestrá-lo.
 
Dica ybr: o bom relacionamento entre pet e humanos, se faz com uma convivência harmônica e prazerosa para ambas as partes. por isso, o adestramento é fundamental para que haja essa pacificação dentro da residência. Muito cuidado ao procurar por adestradores! a maior parte está acostumada a lidar com cães de trabalho e não sabem lidar com os akitas.


Veja também

Filhotes Disponíveis


Nossas Filiais


Hotelaria para Akitas


Blog Yucatán Br

MicroshipFarmina
#Siga-nos
  • Facebook
  • Youtube
  • Twitter
  • Pinterest

Rodovia Dom Pedro I - Igaratá - São Paulo - Brasil
Fones: +55 (11) 98535-4150 (TIM) / (11) 99520-5131 (VIVO) / Nextel ID: 117*30728
contato@akitainubrasil.com.br